Você está aqui

INDICADORES

A pesquisa do nível de emprego indica a evolução das contratações e demissões de profissionais praticadas pelas indústrias do setor. O levantamento é feito pelo Sindicato e consolidado mensalmente, servindo de base para pesquisas mais amplas como a da Fiesp, que envolve todo o segmento da indústria paulista.
 
Nível de emprego continua sua trajetória de queda
 

O nível de emprego da indústria de tintas e vernizes, manteve, em julho, sua trajetória de queda, apresentando uma variação de - 0,29%, quando comparado com o mês de junho.

Da base de 21 empresas, pesquisadas pelo Departamento Econômico do Sitivesp, apenas 5 empresas apresentaram crescimento, 5 ficaram estáveis e 11 apresentaram redução.

Na variação anual, o montante acumulado apresenta uma pequena variação de -0,56%, em relação a igual mês, de 2016.

Já em relação a data base, novembro de 2016, a redução em termos percentuais representa -1,47%.

 
NÍVEL DE EMPREGO - 2016/2017
Meses 2016 2017 VARIAÇÃO
Mensal Anual
Janeiro 9098 8916 -0,88% -2,00%
Fevereiro 9033 8786 -1,46% -2,73%
Março 8942 8890 1,18% -0,58%
Abril 8901 8876 -0,16% -0,28%
Maio 8859 8899 0,26% 0,45%
Junho 8841 8833 -0,74% -0,09%
Julho 8857 8807 -0,29% -0,56%
Agosto 8938      
Setembro 8893      
Outubro 8937      
Novembro 8938      
Dezembro 8995      
 
Obs.: O quadro acima refere-se à amostragem obtida em 21 empresas de tintas 
associadas ao Sitivesp, não significando o total de empregados do setor.
 
 
 
Fonte: